Diagnóstico

O diagnóstico da insuficiência cardíaca é baseado na avaliação clínica do paciente, junto com os resultados de exames como ecocardiograma, raio-X do tórax e ressonância magnética do coração.

Saiba mais sobre os exames:

  • Angiotomografia coronariana: identifica a presença de placas de gordura e variações anatômicas.
  • Cineangiocoronariografia: identifica a presença de placas de gordura.
  • Ecocardiograma: também conhecido como EcoDopplercardiograma, é uma ultrassonografia que mostra imagens do coração. O objetivo é verificar a estrutura e o funcionamento do órgão. Com o resultado, o médico consegue fazer a avaliação do fluxo sanguíneo. O procedimento não exige nenhum tipo de preparo do paciente.
  • Ecocardiograma bidimensional: avalia o músculo cardíaco, a função do coração e as válvulas cardíacas.
  • Raio-X do tórax: procedimento é simples e o resultado serve para mostrar as condições dos órgãos internos, como coração, pulmão e ossos.

Ressonância magnética do coração: o exame é mais sofisticado, e mostra por meio das imagens como estão os músculos do coração.