LAL representa Brasil em encontro internacional sobre Insuficiência Cardíaca

LAL representa Brasil em encontro internacional sobre Insuficiência Cardíaca

A saúde cardiovascular é uma das principais bandeiras do Instituto Lado a Lado Pela Vida, que há mais de cinco anos busca o empoderamento das pessoas no tema por meio da campanha Siga Seu Coração, entre outras ações.

Para fortalecer esse compromisso, a entidade marcou presença no 4º encontro anual sobre Insuficiência Cardíaca (IC), realizado esta semana (25 a 27/6) na Irlanda pela iHHub, organização mundial de fomenta à criação de grupos de pacientes em vários países para conscientizar sobre as doenças do coração.

O evento contou com mais de 20 Instituições de 18 nações, reunidos para trocar informações e discutir aspectos como o acesso às tecnologias e ao tratamento da IC, além do atual panorama global da doença.

Segundo a coordenadora de Projetos e Relações Internacionais do Instituto, Rebeca Hyppolito, o encontro foi uma oportunidade para compartilhar diferentes práticas de atuação, além de conhecer vários casos de sucesso. "Pudemos explorar uma série de formas pelas quais as organizações que representam pacientes com insuficiência cardíaca atuam fazendo advocacy com eficácia mundo afora", comenta.

A IC é um dos grandes desafios da saúde a nível mundial. No Brasil, existem atualmente mais de 2 milhões de vítimas da doença, com gastos de R$ 22 milhões por ano e uma perda produtiva superior a R$ 3 milhões.

Para saber mais sobre esta doença, acesse nosso conteúdo: ladoalado.link/insufcard

O  iHHub

A International Heart Hub (iHHub) foi fundada como uma aliança de organizações de pacientes das Américas do Norte e Latina, Europa, Oriente Médio e África.

"É uma parceria importante para nós do Instituto Lado a Lado. A troca de informações foi de fato bastante produtiva", diz ela sobre a viagem. "A ideia é fazer crescer esse movimento global e pensar em novas ações para a campanha de maio de 2019, que é o 'mês da insuficiência cardíaca'", ressalta Rebeca.

Confira aqui o trabalho do iHHub.