Grupo de Trabalho destinado a debater os desafios da Oncologia é instalado na Câmara dos Deputados

Grupo de Trabalho destinado a debater os desafios da Oncologia é instalado na Câmara dos Deputados
Publicado em 19.05.21

A Comissão de Seguridade Social e Família (CSSF) da Câmara dos Deputados  instalou,  no dia 28 de abril, o grupo de trabalho destinado a debater os desafios da oncologia no Brasil. O coordenador do GT, Dep. Dr Frederico (Patriota/MG),  informou que um dos motivos da instalação do grupo é o de que devido à pandemia do novo coronavírus ocorrerão muitos atrasos no diagnóstico do câncer, o que pode causar considerável aumento na mortalidade causada por doenças oncológicas. Segundo o Ministério da Saúde, o Brasil já registra 280 mil óbitos por câncer por ano.

O  colegiado promoverá debates sobre os seguintes eixos: prevenção; diagnóstico; tratamento; desafios durante e pós pandemia da Covid-19: capacidade de assistência à demanda reprimida em oncologia; terapias avançadas em oncologia e desafios para incorporação; modelos inovadores de acesso; aspectos sociais dos pacientes oncológicos e modelos de financiamento em oncologia.

O grupo será composto por 11 membros, sendo a Dep. Tereza Nelma (PSDB/AL) a relatora. A fiscalização da gestão do uso de recursos públicos e o cumprimento à legislação relacionada ao tema, em especial a Lei 12.732/12, que fixa o prazo de 60 dias para que o paciente diagnosticado com câncer se submeta ao primeiro tratamento no Sistema Único de Saúde (SUS), e a Lei 13.896/19, que determina que os exames no caso de suspeita de câncer devem ser realizados em, no máximo, 30 dias são  objetivos destacados pelo Deputado.

Nesta quarta-feira 19 de maio, às 16 horas, o grupo de trabalho da Comissão de Seguridade Social e Família da Câmara dos Deputados que irá analisar os desafios da oncologia no Brasil se reunirá para definir o roteiro de sua atuação. A reunião deliberativa será transmitida pelo aplicativo infoleg, pela página da Câmara dos Deputados  e pelo canal da TV Câmara no YouTube.

O Instituto Lado a Lado vai trabalhar junto ao GT, acompanhando as reuniões, propondo, engajando e discutindo os eixos e temas.

  Participe!! Vamos mudar pra valer a saúde no Brasil!?