EFEITOS TARDIOS DO CÂNCER DE PRÓSTATA

EFEITOS TARDIOS DO CÂNCER DE PRÓSTATA

O câncer de próstata mais frequentemente evolui com metástases ósseas, podendo causar dor, limitação funcional, fraturas e restrição ao leito. A doença local na próstata também pode causar obstrução urinária, sangramento e dor pélvica.

Em relação ao tratamento, algumas complicações podem ser listadas, como: impotência, incontinência e infecção.

A terapia endócrina tem por base a castração, ou seja, a redução dos níveis de testosterona para os valores mais baixo quanto possíveis, de preferência, aos níveis dos meninos pré-puberes. Isso pode ser feito cirurgicamente ou farmacologicamente.

Os efeitos mais significativos são a perda de libido, perda de massa muscular e massa óssea, síndrome metabólica (aumento de massa corpórea, dislipidemia e hiperglicemia), com consequente aumento nos riscos de mortalidade por doenças cardiovasculares. Por isso, é indispensável também que o tratamento interdisciplinar envolva a especialidade de cardiologia.