Câncer de ovário: campanha nacional chama atenção das mulheres para doença silenciosa

Câncer de ovário: campanha nacional chama atenção das mulheres para doença silenciosa

"Esse é um tumor silencioso que acomete muitas mulheres. Vamos levar essa mensagem. A mulher não tem que prestar atenção só na mama. Deve conversar com o médico, questionar". Com esse alerta, a presidente do Instituto Lado a Lado, Marlene Oliveira, lançou a campanha de Combate ao Câncer de Ovário, no dia mundial da doença, 8 de maio, com o lema 'O câncer de ovário é o tumor feminino mais silencioso. Ajude a fazer barulho'.

A iniciativa foi lançada dentro da Campanha Vencer com Autoestima, do Instituto Lado a Lado, durante um workshop no L'Hotel Porto Bay, que reuniu especialistas e pacientes que debateram o assunto.

Marlene avisa que durante todo o ano de 2017 o Instituto divulgará essa mensagem para alcançar o maior número de pessoas. "Também levamos informação ao meio rural", avisa a presidente da entidade.

"Levaremos essa causa todos os dias", ressalta Marlene. "Precisamos da união das sociedades, pacientes, médicos. Não vamos medir esforços, vamos brigar juntos por acesso. O Lado a Lado começou a plantar a sementinha".